Atualidades 13/07/2015

Signs of your communication with The Universe are not always seen or touched; they are more often felt in your heart and mind. Only you will know when they appear.




O Globo
Manchete: Lava-jato: PF rastreia dinheiro de cartel para Dirceu
Mal que persiste:Tortura é sentença de morte
Líderes europeus cobram da Grécia ainda mais austeridade
Petrobras quer vender 49% da Gaspetro (Pág. 19)
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo
Manchete: Congresso retoma projetos para fiscalizar TCU
Ministros depõem antes do recesso
Líderes fazem exigências mais duras à Grécia
Doação de máquinas é quase extinta
Negócios: CSN e sua venda de ativos
Nova meta fiscal será discutida hoje
Luís Eduardo Assis  - Juros exagerados
Notas & Informações - Hora de rever o plano de ajuste
------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora
Manchete: Homicídios de crianças e adolescentes crescem 61% na Região Metropolitana
Meningite: Aumenta procura por vacina na rede privada
------------------------------------------------------------------------------------
Brasil Econômico
Manchete: "O crime organizado pode se apossar de um governo parlamentarista"
Grécia: Líderes da Zona do Euro pedem mais para fazer acordo
Eletropostos se espalham pelo país
Empresas do setor elétrico vão ampliar suas redes de abastecimento de automóveis movidos a eletricidade em pelo menos 18% nos próximos dois anos. A CPFL, que acaba de inaugurar seus dois primeiros postos públicos, quer chegar a 30 até 2017. (Págs. 14 e 15)
Anistia fiscal - Recursos ilegais repatriados só chegarão aos estados em 2017. (Pág. 9)
------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo
Manchete: Atropelamento com morte por ônibus explode em SP
Dinheiro desviado também pagou prostitutas de luxo
Rodízio de juízes gera pagamentos extras de R$ 1 mi
Petrobras decide adiar operações na área de Sergipe
Estatísticas de violência no Rio pioram a um ano da Olimpíada
Alemanha quer que Grécia deixe euro por 5 anos para se reerguer
Entrevista da 2ª: Stephen Roach - Estouro da bolha chinesa complica situação do Brasil
Valdo Cruz  - As turbulências na China podem ter até seu lado positivo: quem sabe a turma em Brasília acorda para a realidade. (Opinião A2)
Editoriais  - Leia "Dano duradouro", sobre seguidos aumentos na conta de luz, e "Dois anos", acerca de circunstâncias ainda não esclarecidas no caso Amarildo. (Opinião A2)
Folhainvest: Estudo mostra aumento da inadimplência entre idosos (Pág. A13)
------------------------------------------------------------------------------------

13 de julho de 2015
O Globo

Manchete: Lava-jato: PF rastreia dinheiro de cartel para Dirceu
Valor saiu de empreiteira e passou por três intermediários, mostra relatório.

Segundo o documento, que inclui consultoria de ex-ministro como suspeita de fraudes, no caminho dos pagamentos há empresas que intermediavam propina.

Dinheiro recebido pela empresa do ex-ministro José Dirceu de uma das construtoras investigadas na Lava-Jato passou por consultorias que intermediariam propina, relatam Cleide Carvalho e Mariana Sanches. As operações constam em relatório da PF sobre irregularidades nas obras da Refinaria Abreu e Lia (PE). Duas empresas do consultor Julio Camargo, suspeitas de repassarem propina da Camargo Corrêa, depositaram R$ 1,37 milhão em uma firma do operador Milton Pascowitch. Dali, a verba foi depositada na consultoria de Dirceu. As empresas negam irregularidades. O operador disse, em delação, que o dinheiro pago a Dirceu foi fruto de propina de desvios da Petrobras. (Pág. 3)
Mal que persiste:Tortura é sentença de morte
No tribunal paralelo do crime, tortura é sentença de morte. Nos 699 processos em andamento no Estado do Rio, há histórias de famílias em busca de justiça para assassinatos decorrentes de ações brutais de traficantes e milicianos. Levantamento revela que 70% dos julgamentos de segunda instância, entre 2005 e 2010, envolviam tortura praticada por agentes privados. (Págs. 6 e 7)
Líderes europeus cobram da Grécia ainda mais austeridade
Na reunião de cúpula de chefes de Estado e de governo da zona do euro, ontem, líderes europeus pressionaram Atenas a aceitar um duro ajuste fiscal. Até a madrugada de hoje, no horário de Bruxelas, no entanto, ainda não havia acordo. Os ministros de Finanças do bloco listaram uma série de exigências, incluindo um amplo programa de privatização ou a transferência, para um fundo sediado em Luxemburgo, de € 50 bilhões em ativos gregos, no que foi classificado por analistas em Atenas como uma afronta à soberania da Grécia. De acordo com o memorando, as medidas de austeridade, muito mais rigorosas do que as que vinham sendo negociadas até então, precisam ser aprovadas pelo parlamento grego até quarta-feira. (Págs. 17 e 18)
Petrobras quer vender 49% da Gaspetro (Pág. 19)

------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo

Manchete: Congresso retoma projetos para fiscalizar TCU
Às vésperas de análise das contas de Dilma, propostas cortam mandato de ministros e criam controle externo.

Parlamentares retomaram votações de projetos que pressionam o Tribunal de Contas da União (TCU), às vésperas do julgamento das contas da presidente Dilma Rousseff, relata Fábio Fabrini. Voltaram à pauta do Congresso propostas como a que encurta a permanência de ministros no TCU – tramitava desde 2007 – e a que obriga o tribunal a abrir a administração à fiscalização. No Senado, o presidente Renan Calheiros (PMDB-AL) quer criar uma “autoridade fiscal” com atribuições semelhantes às do TCU. A avaliação interna do tribunal, que monitora a tramitação de 61 projetos, é a de que a manobra ocorre “para pressionar” os ministros. No mês passado, a Corte apontou distorções de R$ 281 bilhões no Balanço Geral da União de 2014 e deu 30 dias para Dilma apresentar defesa sobre 13 irregularidades, entre elas as “pedaladas fiscais”. A oposição tenta influenciar os ministros para que reprovem as contas. Já o Planalto quer evitar a decisão. (Política A4)
Ministros depõem antes do recesso
Na última semana antes do recesso, Congresso ouve explicações de ministros. Depoimentos vão das “pedaladas fiscais”, no Senado, à CPI da Petrobrás, na Câmara, onde José Eduardo Cardozo, da Justiça, fala da Lava Jato. (Pág. A4)
Líderes fazem exigências mais duras à Grécia
Ministros de Finanças de 19 países da zona do euro exigiram ontem da Grécia mais rigor fiscal, informa o correspondente Andrei Netto. Reunidos em Bruxelas, os europeus fizeram a proposta de um acordo que previa € 50 bilhões em privatizações, além de € 13 bilhões em medidas de austeridade. Em troca, Atenas receberia um programa de socorro de € 86 bilhões e a perspectiva de rediscussão de sua dívida. Chefes de Estado e representantes de governos ainda devem referendar a proposta. (Economia B4 e B5)

Doação de máquinas é quase extinta
O polêmico programa de entrega de máquinas para municípios recuperarem estradas vicinais foi enterrado no atual mandato de Dilma. As 18 empresas que ganharam bilhões vendendo escavadeiras, niveladoras e caçambas não receberam neste ano nem 3% do que no ano passado. (Política A5)
Negócios: CSN e sua venda de ativos
Endividada, a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) já está em conversas com bancos para negociar a venda de parte de seus ativos. Negócios de energia, logística e imóveis podem deixar o grupo. (Pág. B1)

Nova meta fiscal será discutida hoje
Reunião de coordenação política da presidente Dilma Rousseff vai debater hoje propostas de reduzir ou de criar uma banda para o superávit primário. (Economia B3)
Luís Eduardo Assis 
Juros exagerados

Ao persistir elevando os juros de forma obsessiva, o BC pensa em derrubar a inflação. Errando a dose, pode ajudar a derrubar também o governo. (Economia B2)
Notas & Informações
Hora de rever o plano de ajuste

Este é um bom momento para fixar, oficialmente, objetivos mais modestos para a política fiscal. (Pág. A3)
------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora

Manchete: Homicídios de crianças e adolescentes crescem 61% na Região Metropolitana
Levantamento de ZH e Diário Gaúcho mostra que, a cada três dias, um jovem com menos de 18 anos é executado. Foram 50 nos cinco primeiros meses deste ano. (Págs. 5 a 8 e 24)
Meningite: Aumenta procura por vacina na rede privada
Preocupados com a doença, pais buscam alternativas. Saúde diz não haver motivo para pânico. (Págs. 10 e 30)
------------------------------------------------------------------------------------
Brasil Econômico

Manchete: "O crime organizado pode se apossar de um governo parlamentarista"
O cientista político Aldo Fornazieri, da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo, considera muito perigosa a possibilidade de o país adotar o Parlamentarismo, como querem alguns. "As estruturas de corrupção, de criminalidade e de conservadorismo se juntariam para fazer um primeiro-ministro". Para ele, o governo perdeu a capacidade de mobilização social e de articulação no Congresso, jogando o país na pior crise política desde o governo Collor. (Págs. 4 a 7)
Grécia: Líderes da Zona do Euro pedem mais para fazer acordo
A reunião de emergência não garantiu a ajuda ao país, que deverá adotar uma série de medidas de austeridade fiscal. A Alemanha propôs que a Grécia se retire temporariamente da zona do euro, caso não atenda as condições. (Pág. 20)
Eletropostos se espalham pelo país
Empresas do setor elétrico vão ampliar suas redes de abastecimento de automóveis movidos a eletricidade em pelo menos 18% nos próximos dois anos. A CPFL, que acaba de inaugurar seus dois primeiros postos públicos, quer chegar a 30 até 2017. (Págs. 14 e 15)
Anistia fiscal
Recursos ilegais repatriados só chegarão aos estados em 2017. (Pág. 9)
------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo

Manchete: Atropelamento com morte por ônibus explode em SP
Total de vítimas subiu 31% em 2014; alta é ligada ao avanço de faixas exclusivas.

O total de pessoas atropeladas e mortas por ônibus cresceu 31% na cidade de São Paulo em um ano, saltando de 87 para 114.

Embora representem 1% da frota, os coletivos causam uma em cada quatro mortes por atropelamento.

Já o número de mortos por caminhões e motos caiu de 2013 para 2014; o de vítimas de carros ficou estável.

Especialistas ligam o fenômeno com o avanço na cidade de corredores e faixas, que permitem aos ônibus rodar com mais velocidade.

A prefeitura afirma que essa relação não tem consistência porque a implementação das faixas exclusivas vem ocorrendo desde 2013.

A nota diz ainda que o município está orientando as empresas do sistema para que treinem condutores.

Segundo dados da CET, a velocidade média dos ônibus subiu após a implantação de vias exclusivas.

A gestão Haddad (PT) faz mudanças para reduzir a velocidade em várias vias e reverter o aumento de mortes no trânsito. (Cotidiano B5)
Dinheiro desviado também pagou prostitutas de luxo
Dinheiro desviado da Petrobras foi usado com prostituição de luxo, segundo os delatores Alberto Youssef e Rafael Angulo Lopez. Papéis mostram que, em 2012, envolvidos no caso gastaram R$ 150 mil assim. A Lava Jato não usou os dados: para fins penais, não importa como a propina foi gasta. (Poder A5)
Rodízio de juízes gera pagamentos extras de R$ 1 mi
O Tribunal Regional Federal da 2ª Região faz rodízio de juízes entre varas diferentes, o que gera pagamentos por acúmulo de função que somam R$ 1 milhão por mês no Rio e no Espírito Santo.

Guilherme Couto, corregedor, disse que o sistema visa dividir postos e evitar acúmulo de trabalho. (Poder A8)
Petrobras decide adiar operações na área de Sergipe
Sem caixa, a Petrobras adiou o início de operações da maior descoberta de petróleo após o pré-sal, encarada como a próxima fronteira petrolífera brasileira.

Prevista para 2018, a primeira plataforma nas águas profundas de Sergipe ficará somente para a próxima década. (Folhainvest A18)

Estatísticas de violência no Rio pioram a um ano da Olimpíada
Aumento nos indicadores de violência do Rio revela desgaste da política de segurança, baseada nas UPPs (Unidades de Polícia Pacificadora). Nos primeiros seis meses do ano, houve 86 vítimas de bala perdida, contra 23 de janeiro a junho de 2014.

Roberto Alzir, subsecretário de Grandes Eventos, disse que o Rio está preparado para os Jogos e que o efetivo policial crescerá. (Cotidiano B5)

Alemanha quer que Grécia deixe euro por 5 anos para se reerguer
A Alemanha aumentou a pressão sobre a Grécia e propôs a saída do país da zona do euro por cinco anos em troca da reestruturação de sua dívida. A proposta foi discutida por ministros de Finanças da Europa, mas não se chegou a um consenso.

A decisão política foi transferida aos líderes europeus. Alemães pedem mais austeridade enquanto franceses tentam manter os gregos no euro. (Mercado A19)
Entrevista da 2ª: Stephen Roach
Estouro da bolha chinesa complica situação do Brasil

Stephen Roach, professor da Universidade Yale, afirma que o estouro da bolha acionária da China e a crise da Grécia sinalizam um período “muito difícil para países emergentes”, como o Brasil. “Isso vai aumentar a aversão a risco do capital global.” (Pág. A14)
Valdo Cruz 
As turbulências na China podem ter até seu lado positivo: quem sabe a turma em Brasília acorda para a realidade. (Opinião A2)

Editoriais 
Leia "Dano duradouro", sobre seguidos aumentos na conta de luz, e "Dois anos", acerca de circunstâncias ainda não esclarecidas no caso Amarildo. (Opinião A2)
Folhainvest: Estudo mostra aumento da inadimplência entre idosos (Pág. A13)

------------------------------------------------------------------------------------
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

MANUAL DE REDAÇÃO DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

Plural de substantivos compostos

Atualidades - 15 de agosto de 2016