Atualidades 15 de agosto de 2015



O Globo
Manchete : Governo bloqueia novos empréstimos para estados
INSS pode adiar 1ª parcela do décimo terceiro (Pág. 23)
Obra da Odebrecht na Copa teve fraude, diz PF
Retaliação de PMs seria a causa de chacina
Milícia no Minha Casa - Polícia fecha onze estabelecimentos
Petrobras paga R$ 3 bi ao Fisco
Dólar alto alivia contas externas
Foto-legenda : De volta ao mastro
Lei das drogas - O RÉU NO STF
Merval Pereira - Nada mais perto da Venezuela atual que a imagem do presidente da CUT no Planalto (Pág. 4)
Rosiska Darcy de Oliveira - Protestar é legítimo, mas sem brutalidade. (Pág. 18)
Zuenir Ventura - Operação Lava-Jato revela o quanto o país é rico em dinheiro sujo (Pág. 19)
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo
Manchete : Maior chacina de SP tem 18 mortos; PMs são suspeitos
Aécio diz que Planalto virou 'comitê de apoio' a Dilma
PF acusa Odebrecht de superfaturar estádio da Copa 
13° de aposentado não será adiantado 
Tesouro barra novos empréstimos 
Petrobrás parcela dívida de R$ 6 bi 
Haddad nomeia Padilha para a Saúde (Metrópole/Pág. A28)
Kerry vai a Cuba e pede democracia 
Adriana Carranca - E agora, Fidel? 
Notas&Informações - Conchavos e contradições 
------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora
Manchete : EUA voltam a considerar o fim do embargo a Cuba
------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo
Manchete : Chacina mata 18 em SP; governo suspeita de PMs
Acionistas da Petrobras vão pedir reparação por corrupção
Aposentados podem não ter o adiantamento do 13º salário
Entrevista - Romero Jucá - Ou o governo muda, ou o povo muda o governo
Mobilização virtual para protestos está menor do que nos eventos anteriores (Poder A6)
Foto-legenda : Reconciliação
Painel  - Marta fecha acordo com Temer para se filiar ao PMDB
Leonardo Padura - ‘Quarto poder’, jornalismo cívico vive sob riscos
Editoriais - Leia “Inaceitável”, sobre chacina ocorrida na Grande São Paulo, e “Improvisação municipal”, acerca de planejamento precário da prefeitura paulistana. (Opinião A2)
------------------------------------------------------------------------------------

15 de agosto de 2015
O Globo

Manchete : Governo bloqueia novos empréstimos para estados
Governadores e prefeitos contavam com recursos externos para investir

Tesouro suspende aval para financiamento de administrações estaduais e municipais

Apesar da pressão de governadores e prefeitos, o governo federal decidiu suspender o aval a pedidos de empréstimo de estados e municípios a organismos internacionais. O Tesouro determinou à Comissão de Financiamentos Externos a retirada de pauta de todas as solicitações. Em reunião 15 dias atrás, governadores cobraram da presidente Dilma Rousseff mais rapidez na liberação desses empréstimos, que serviriam para investimentos em infraestrutura e logística. Segundo o Tesouro, essas operações de crédito somaram R$ 44 bilhões entre 2011 e 2014 e “cresceram fortemente nos últimos anos”. (Pág. 3)
INSS pode adiar 1ª parcela do décimo terceiro (Pág. 23)

Obra da Odebrecht na Copa teve fraude, diz PF
Superfaturamento em arena seria de R$ 42,8 milhões

Investigada na Lava-Jato, a Odebrecht foi alvo ontem de outra investigação: a PF deflagrou a Operação Fair Play, depois de identificar fraude na concorrência internacional na licitação da Arena Pernambuco, construída para a Copa de 2014 pela empreiteira. Estimada em R$ 700 milhões, a obra teria sido superfaturada em R$ 42,8 milhões. (Pág. 6)
Retaliação de PMs seria a causa de chacina
A vingança de PMs pela morte de um colega pode ser, segundo os investigadores, a causa da maior chacina que São Paulo viu este ano. Em duas horas, 18 pessoas foram assassinadas em duas cidades da Região Metropolitana. Os criminosos usavam motos pretas e estavam encapuzados. (Pág. 8)
Milícia no Minha Casa - Polícia fecha onze estabelecimentos
Uma operação da Polícia Civil em 39 conjuntos do Minha Casa Minha Vida, na Zona Oeste do Rio, fechou 11 estabelecimentos que seriam controlados pela milícia. Três deles exploravam a prostituição. (Pág. 16)
Petrobras paga R$ 3 bi ao Fisco
A Petrobras vai pagar R$ 3 bilhões à Receita em impostos que estavam sob contestação. A estatal também acertou outro R$ 1,5 bilhão em tributos atrasados com o governo do Estado do Rio. (Pág. 24)
Dólar alto alivia contas externas
A desvalorização do real reduziu importações e já leva empresas a retomarem planos de exportação. A Panasonic venderá refrigeradores fabricados em Minas para países da América Latina. (Pág. 21)
Foto-legenda : De volta ao mastro
Em cerimônia que teve a presença do secretário de Estado, John Kerry , a bandeira americana volta a tremular em Havana, com a reabertura oficial da Embaixada dos EUA, 54 anos após seu fechamento. (Pág. 29)
Lei das drogas
O RÉU NO STF

Francisco de Souza conta a MARIANA SANCHES detalhes do caso em que é réu no STF e que poderá descriminalizar o porte de drogas (Pág. 26)
Merval Pereira
Nada mais perto da Venezuela atual que a imagem do presidente da CUT no Planalto (Pág. 4)
Rosiska Darcy de Oliveira
Protestar é legítimo, mas sem brutalidade. (Pág. 18)
Zuenir Ventura
Operação Lava-Jato revela o quanto o país é rico em dinheiro sujo (Pág. 19)
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo

Manchete : Maior chacina de SP tem 18 mortos; PMs são suspeitos
Vingança pelo assassinato de cabo que patrulhava área dos ataques, em Osasco e Barueri, é principal hipótese

A morte de um policial militar num posto de gasolina há oito dias pode ter sido a razão da onda de ataques na noite de anteontem em Osasco e Barueri que acabou com 18 mortos e 6 feridos e levou pânico a moradores da região.(...) O governador Geraldo Alckmin classificou a série de execuções como "gravíssima" e prometeu esclarecer e identificar os assassinos. "A prisão deles é o mais importante", disse. (Metrópole / Págs. A20, A22 e A25)
Aécio diz que Planalto virou 'comitê de apoio' a Dilma
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) evocou a Constituição para defender a legitimidade dos protestos de amanhã e rebater governistas que acusam tucanos de "golpistas". Ele criticou a presidente Dilma Rousseff, que nos últimos dias participou de atos com apoiadores do governo e atacou os críticos de sua gestão. "Estamos assistindo, estarrecidos, o Palácio do Planalto se transformar em um comitê de apoio à presidente", afirmou. Também criticou o presidente da CUT, Vagner Freitas, que disse que os movimentos sociais irão "para as ruas entrincheirados com arma na mão". "Nós não vamos nos entrincheirar. Vamos de cabeça erguida para as ruas de todo o Brasil no próximo domingo levando como nossa única arma a Constituição", afirmou. Em evento em Maceió, o senador defendeu a autonomia do TSE e do TCU, onde tramitam processos que podem levar à cassação da presidente. (Política / Pág. A4)

Bahia veta protesto em evento

Por ordem do Planalto, a PM da Bahia barrou entrada de manifestantes contra o governo em evento com Dilma e até de beneficiários do Minha Casa Minha Vida. (Pág. A4)
PF acusa Odebrecht de superfaturar estádio da Copa 
A Odebrecht foi ontem alvo da Operação Fair-Play da Polícia Federal por suspeita de fraude a licitação e superfaturamento de R$ 42,8 milhões na construção da Arena Pernambuco, um dos estádios da Copa de 2014 - atualizado, o valor chega a R$ 70 milhões. A suspeita é de que agentes públicos foram corrompidos para favorecer a construtora na licitação internacional das obras e viabilizar financiamento do BNDES. Policiais cumpriram dez mandados de busca e apreensão. (Política/ Pág. A8)

Relatório cita conversa de Lula

PF informou ao juiz Sérgio Moro que ex-presidente falou por telefone com Alexandrino Alencar, da Odebrecht. Quatro dias depois, Alencar foi preso. (Pág. A8) 
13° de aposentado não será adiantado 
Com o aperto das contas, o governo não pagará em agosto o adiantamento de 50% do 13.° salário de aposentados e pensionistas do INSS, como fazia desde 2006. (Economia / Pág. B1) 
Tesouro barra novos empréstimos 
Preocupado com endividamento, o Tesouro pediu ao Planejamento que não analise novos pedidos de empréstimos internacionais de Estados e municípios. (Política / Pág. A5)
Petrobrás parcela dívida de R$ 6 bi 
A Petrobrás vai aderir ao Programa de Parcelamento Especial (Refis) para eliminar dívida de R$ 6 bilhões que estava em discussão com a Receita Federal. (Economia / Pág. B6)
Haddad nomeia Padilha para a Saúde (Metrópole/Pág. A28)

Kerry vai a Cuba e pede democracia 
Na reinauguração de embaixada em Havana, secretário de Estado dos EUA defendeu a realização de eleições livres no país, informa Cláudia Trevisan, enviada especial. (Internacional/Pág. A14) 
Adriana Carranca
E agora, Fidel?

O maior desafio talvez seja evitar a evasão. A reaproximação com os EUA despertou nos jovens cubanos a esperança de um amanhã possível. (Internacional / Pág. A16)
Notas&Informações
Conchavos e contradições

Governo e PT usam seu poder de fogo na tentativa de obstruir eventual processo de impeachment. (Pág. A3)

------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora

Manchete : EUA voltam a considerar o fim do embargo a Cuba
John Kerry, primeiro secretário de Estado americano a visitar a ilha em 70 anos, participou de cerimônia que reafirma retomada de laços (Notícias | 10)
------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo

Manchete : Chacina mata 18 em SP; governo suspeita de PMs
Ataques ocorreram em 9 locais de Osasco e Barueri, em menos de três horas

O governo Geraldo Alckmin (PSDB) suspeita que PMS estejam ligados a ataques que deixaram 18 mortos na noite de quinta (1 3), a mais violenta do ano na Grande SP. As mortes, 15 em Osasco e três em Barueri, aconteceram em menos de três horas, em nove locais. (...) Nas cinco principais chacinas na capital paulista desde 2013, nas quais morreram 42 pessoas, há suspeita de participação policial. Segundo a polícia, 12 dos18 mortos anteontem não tinham antecedente criminal. A Corregedoria da PM investiga ocaso. (Cotidiano b1 a b5)
Acionistas da Petrobras vão pedir reparação por corrupção
Acionistas minoritários da Petrobras no Brasil irão à Justiça para pedir ressarcimento pelos prejuízos gerados aos papéis da estatal com os casos de corrupção. Ontem (14), a estatal anunciou acordo com a Receita para quitar débito de R$ 6 bilhões referente a impostos não pagos na importação de petróleo. (Mercado a26)
Aposentados podem não ter o adiantamento do 13º salário
Pela primeira vez em nove anos, devido ao aperto no caixa do Tesouro, aposentados e pensionistas podem ficar sem o adiantamento do 13º salário, tradicionalmente realizado em agosto. O pagamento depende da presidente Dilma, que não decidiu até agora se editará decreto autorizando a liberação da verba. (Mercado a21)
Entrevista - Romero Jucá
Ou o governo muda, ou o povo muda o governo

Idealizador dos principais pontos da Agenda Brasil, pacote de medidas anticrise proposto pelo Senado ao Planalto, Romero Jucá (PMDB-RR ) afirma que o quadro de um eventual impeachment da presidente Dilma não está “maduro”, mas vai se agravar com os remédios que estão sendo aplicados hoje. “O governo está na UTI, pelo amor de Deus não racionem o oxigênio!”, afirmou o senador. (Poder a4)
Mobilização virtual para protestos está menor do que nos eventos anteriores (Poder A6)

Foto-legenda : Reconciliação
Pela 1ª vez em 54 anos, bandeira dos EUA é hasteada na embaixada do país em Cuba, em cerimônia comandada pelo secretário de Estado, John Kerry (Mundo a12)
Painel
Marta fecha acordo com Temer para se filiar ao PMDB

Após se reunir ontem (14) com o vice-presidente Michel Temer, a senadora Marta Suplicy selou sua filiação ao PMDB. A ex-petista aceitou participar de prévias ou ter a candidatura a prefeita da capital paulista submetida a uma convenção. (Poder a4)
Leonardo Padura
‘Quarto poder’, jornalismo cívico vive sob riscos

Se no México os jornalistas incômodos são assassinados, em outros lugares busca-se modos de silenciá-los ou utilizá-los. Resultado: a superficialidade nas análises e o servilismo do poder público, que tomou conta do trabalho informativo. (Ilustrada C10)
Editoriais
Leia “Inaceitável”, sobre chacina ocorrida na Grande São Paulo, e “Improvisação municipal”, acerca de planejamento precário da prefeitura paulistana. (Opinião A2)
------------------------------------------------------------------------------------
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

MANUAL DE REDAÇÃO DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

Plural de substantivos compostos