Atualidades 14 de junho de 2017


Mente firme, alma limpa e pensamento positivo sempre ūüĎä✌️



O Globo
Manchete: Em busca de apoio, Temer negocia dívida de estados
Supremo mantém irmã de Aécio na cadeia
Cunha dep√Ķe hoje em inqu√©rito sobre Temer
1¬™ senten√ßa pela ‘gan√Ęncia desmedida’
Com FGTS, varejo volta a crescer
Entidades repudiam agressão a Míriam
Contra a censura, notícias viajam
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo
Manchete: Senado se recusa a afastar Aécio; STF mantém irmã presa
Relator quer MP do Refis mais favor√°vel a empresas
Moro condena Cabral a 14 anos de prisão por corrupção
Míriam Leitão relata xingamento de petistas (Política / Pág. A8)
Colunistas 
Vera Magalh√£es - Temer tem pressa. Ele quer que a C√Ęmara arquive antes do recesso a den√ļncia do MPF. (POL√ćTICA / P√ĀG. A6)
Leandro Karnal - O sistema pol√≠tico esgotou-se. H√° pouca cren√ßa de que seja, de fato, representativo. (CADERNO2 / P√ĀG. C6)
Notas & Informa√ß√Ķes - O necess√°rio compromisso √©tico 
------------------------------------------------------------------------------------

14 de junho de 2017
O Globo

Manchete: Em busca de apoio, Temer negocia dívida de estados
Sob press√£o, presidente leva BNDES a apressar revis√£o de R$ 50 bi

A governadores, promessa de liberar medida aprovada h√° 6 meses no Congresso

Em busca de apoio pol√≠tico √†s v√©speras de ser denunciado ao STF no inqu√©rito aberto ap√≥s a dela√ß√£o dos donos da JBS, o presidente Temer apresentou a 20 governadores e vices, no Alvorada, proposta do BNDES para apressar a renegocia√ß√£o de R$ 50 bilh√Ķes em d√≠vidas dos estados. Aprovada h√° seis meses, a medida n√£o tinha sa√≠do do papel. O BNDES receber√° os pedidos dos governadores at√© julho. O governo tamb√©m pretende corrigir a tabela do IR e aumentar o Bolsa Fam√≠lia. (P√°g. 17 e M√≠riam Leit√£o)
Supremo mantém irmã de Aécio na cadeia
Por 3 votos a 2, a Primeira Turma do STF, que julgar√° o senador A√©cio Neves, negou liberdade √† irm√£ do tucano. O jurista Miguel Reali Jr. se desfiliou do PSDB por causa da “fragilidade √©tica” do partido. (P√°gs. 6, 7 e Merval Pereira)
Cunha dep√Ķe hoje em inqu√©rito sobre Temer
Preso, o deputado cassado Eduardo Cunha ser√° ouvido no inqu√©rito que investiga o presidente Temer. J√° Joesley Batista, dono da JBS, dep√īs anteontem ao MP sobre envio de US$ 150 milh√Ķes para Lula e Dilma na Su√≠√ßa. (P√°g. 4)
1¬™ senten√ßa pela ‘gan√Ęncia desmedida’
Réu em outros 9 processos, Cabral é condenado a 14 anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro

Sete meses depois de ser preso, o ex-governador S√©rgio Cabral, r√©u em dez processos criminais, recebeu ontem a primeira condena√ß√£o na Lava- Jato. Pelo desvio de R$ 2,7 milh√Ķes das obras do Comperj, o juiz Sergio Moro fixou a pena em 14 anos e dois meses de pris√£o, al√©m da devolu√ß√£o do dinheiro com juros e corre√ß√£o. O juiz ressaltou a “gan√Ęncia desmedida” e a pr√°tica sistem√°tica de crimes de corrup√ß√£o por parte de Cabral, associando os desvios de recursos p√ļblicos √† “situa√ß√£o quase falimentar” do Estado do Rio e aos sacrif√≠cios impostos √† popula√ß√£o. A mulher de Cabral, Adriana Ancelmo, foi absolvida nesse processo do Comperj, mas o juiz indicou que ela pode ser condenada em outros nos quais √© r√©. (P√°gs. 3 e 4)

Vítimas da crise e da corrupção tentam sobreviver

Por causa da crise fiscal do estado, agravada pelo esquema de corrup√ß√£o comandado pelo ex-governador S√©rgio Cabral, cerca de 200 mil servidores ainda n√£o receberam os sal√°rios de abril e maio, al√©m do 13¬ļ. Ontem, manifesta√ß√£o reuniu personagens de hist√≥rias de pen√ļria, como a assistente social que n√£o tem dinheiro para os rem√©dios e a aposentada que vende balas na rua. (P√°g. 10)
Com FGTS, varejo volta a crescer
Com a ajuda da liberação do dinheiro das contas inativas do FGTS e da inflação menor, as vendas do varejo voltaram a crescer, após dois anos de queda. A alta foi de 1,9% em abril. Mas analistas acreditam que a recuperação do setor será lenta. (Pág. 19)
Entidades repudiam agressão a Míriam
As agress√Ķes de dirigentes do PT √† jornalista M√≠riam Leit√£o foram repudiadas por associa√ß√Ķes, que condenaram o “autoritarismo e o desconhecimento do papel da imprensa”. (P√°g. 6)
Contra a censura, notícias viajam
Divulgar not√≠cias nos √īnibus de Caracas foi a forma que jornalistas venezuelanos encontraram para driblar a censura, num pa√≠s que vive grave crise pol√≠tica e institucional. Ontem, a Assembleia Nacional criou um comit√™ que tentar√° substituir 13 dos 32 ju√≠zes do Supremo e, assim, restaurar um pouco do equil√≠brio entre os poderes. (P√°g. 22)
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo

Manchete: Senado se recusa a afastar Aécio; STF mantém irmã presa
Eun√≠cio disse aguardar orienta√ß√Ķes; Supremo rejeita pedido de Andrea Neves

Vinte e seis dias ap√≥s o Supremo Tribunal Federal (STF) determinar o afastamento do senador A√©cio Neves (PSDB-MG), o presidente do Senado, Eun√≠cio Oliveira (PMDB-CE), informou que vai manter o gabinete, o nome no placar de vota√ß√£o e outros benef√≠cios do tucano at√© que a Corte envie novas orienta√ß√Ķes. No STF, o ministro Marco Aur√©lio Mello, que assumiu a relatoria da investiga√ß√£o, disse que o Senado est√° descumprindo a decis√£o ao n√£o convocar o suplente para a vaga. Por tr√™s votos a dois, a Primeira Turma do STF negou ontem o pedido de liberdade de Andrea Neves, irm√£ de A√©cio, presa desde 18 de maio. Marco Aur√©lio Mello e Alexandre de Moraes votaram pela revoga√ß√£o da pris√£o preventiva. Lu√≠s Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux rejeitaram. (POL√ćTICA / P√ĀGS. A4 e A5)

Joesley está no País desde domingo

No Brasil desde domingo, Joesley Batista participou de reuni√Ķes em Bras√≠lia e em S√£o Paulo. A informa√ß√£o foi antecipada pela Coluna do Estad√£o no estad√£o.com.br. Antes, ele estava na China. (P√ĀG. A7)
Relator quer MP do Refis mais favor√°vel a empresas
O deputado Newton Cardoso Jr. (PMDB-MG) ser√° o relator da MP 783, que instituiu a nova vers√£o do Refis. Ele foi um dos mais atuantes nas negocia√ß√Ķes do antigo texto com a equipe econ√īmica, que resultaram em grandes descontos em multas e juros de d√©bitos tribut√°rios. Muitos parlamentares t√™m empresas com d√≠vidas tribut√°rias, inclusive o relator, que prepara mais mudan√ßas no texto. (ECONOMIA / P√ĀG. B1)

Uni√£o poder√° resgatar R$ 8,6 bi

Deputados aprovaram projeto que permite ao governo resgatar precat√≥rios parados em bancos. A medida representa R$ 8,6 bilh√Ķes extras. (P√ĀG. B3)
Moro condena Cabral a 14 anos de prisão por corrupção
O juiz S√©rgio Moro condenou S√©rgio Cabral a 14 anos e 2 meses de pris√£o pelos crimes de corrup√ß√£o e lavagem de dinheiro. A condena√ß√£o √© a primeira do ex-governador do Rio na Lava Jato – ele √© r√©u em outros nove processos. A ex-primeira-dama Adriana Ancelmo foi absolvida por falta de provas. Cabral foi condenado por receber propina da Andrade Gutierrez em obras do Comperj, da Petrobr√°s, e por lavar R$ 436.503 mil. (POL√ćTICA / P√ĀG. A8)

Cunha dep√Ķe em inqu√©rito de Temer

Deputado cassado Eduardo Cunha dep√Ķe hoje no inqu√©rito no STF que investiga Michel Temer por corrup√ß√£o, obstru√ß√£o √† Justi√ßa e organiza√ß√£o criminosa. (P√ĀG. A7)
Míriam Leitão relata xingamento de petistas (Política / Pág. A8)

Colunistas
Vera Magalh√£es

Temer tem pressa. Ele quer que a C√Ęmara arquive antes do recesso a den√ļncia do MPF. (POL√ćTICA / P√ĀG. A6)

Leandro Karnal

O sistema pol√≠tico esgotou-se. H√° pouca cren√ßa de que seja, de fato, representativo. (CADERNO2 / P√ĀG. C6)
Notas & Informa√ß√Ķes 
O necessário compromisso ético

Apenas se se sentisse muito fortalecido ap√≥s a decis√£o do TSE, Temer poderia acreditar que seria capaz de preservar pessoas que h√° muito tempo deveriam ter sido demitidas. (P√ĀG. A3)

O interesse maior

Agiu com sensatez o PSDB ao decidir manter seu apoio ao governo de que faz parte. (P√ĀG. A3)
------------------------------------------------------------------------------------
Postar um coment√°rio

Postagens mais visitadas deste blog

MANUAL DE REDAÇÃO DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

Plural de substantivos compostos