MDS - TESTES de SW.

Estratégia e Tipos de TesteEstratégia Testes

Testes de Unidade:
Concentra-se nas unidades do software e utiliza as técnicas de teste estruturais, funcionais e baseadas em erro.

Testes de Integração:
Concentra-se na arquitetura de software. Utiliza principalmente as técnicas de teste funcionais, de interface modular e de regressão.

Testes de Requisitos (Validação ):
Testes de aceitação, teste Alfa e teste Beta.

Testes de Sistema:
O software e outros elementos do sistema são testados como um todo. Teste de segurança, desempenho e recuperação.

Técnicas para Testes de SoftwarTécnicas Software

Testes estruturais – de caixa branca;
Testes funcionais - de caixa preta;
Testes de semeadura de erros;
Verificação de interfaces modulares;
Verificação dos tratamentos de erros;
Testes de integração;
Testes de aceitação, Alfa e Beta teste;
Testes de desempenho;
Testes de recuperação;
Testes de segurança;

Testes Estruturais de Caixa Branca

Conjunto de técnicas de testes que exercitam a estrutura de controle do projeto procedimental.

Tipos de testes estruturais:
1- Caminho básico incluindo todos os caminhos independentes dentro de um módulo: fazer com que cada comando seja exercitado pelo menos uma vez;
2- Decisões lógicas: fazer com que sejam exercitadas para valores falsos ou verdadeiros;
3- Laços: fazer com que sejam executados em suas fronteiras e dentro de seus limites operacionais;
4- Estruturas de dados internas: fazer com que a definição e seu uso sejam exercitados;

Testes Funcionais - de Caixa Preta

Trata-se de uma abordagem complementar aos testes estruturais, com a finalidade de descobrir tipos/classes de erros (ex. tratamento incorreto de todos os dados tipo caractere) a partir das entradas e saídas observáveis da unidade de software.

Tipos de testes de Caixa Preta
Particionamento da Equivalência;
Análise do Valor Limite;

Testes alfa e beta:

São os testes de aceitação, feitos pelo usuário, que dificilmente opera o sistema da forma prevista, e visam descobrir erros cumulativos que poderiam deteriorar o sistema no decorrer do tempo.

O teste alfa é executado por um cliente nas instalações do desenvolvedor, sendo acompanhado pelo desenvolvedor, que registra os problemas encontrados no uso. O ambiente é controlado.

Já o teste beta é realizado em uma ou mais instalações do cliente pelo usuário final do
software. Geralmente o desenvolvedor não está presente. Assim, o teste beta é uma aplicação real do software, sem que haja controle por parte do desenvolvedor. Os problemas são registrados pelo usuário e repassados regularmente ao desenvolvedor, que corrige o software antes de lançar o produto para venda.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

MANUAL DE REDAÇÃO DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

Plural de substantivos compostos