SW Livre e o Governo Brasileiro

SW Livre e o Governo Brasileiro
Nas últimas décadas do Século XX, a sociedade experimentou uma profunda evolução tecnológica especialmente difundida pela utilização de computadores nas mais diversas áreas de atuação. Essa evolução vêm possibilitando signicativas mudanças nos cenários sociais, políticos, econômicos e culturais em todos os países, seja pelo uso intensivo das tecnologias da informação, seja pelo retardamento de aplicação das mesmas. Aplicação esta que delimita o grau de desenvolvimento de uma nação. Nesse contexto, o Governo Brasileiro vem atuando na busca de uma inserção adequada do país na chamada Sociedade da Informação.


Sociedade da Informação
Para inserção no novo cenário destacado, cada país desenvolveu estratégias que consideraram o seu grau de desenvolvimento tecnológico conjugado com as suas peculiaridades. No Brasil, o marco inicial desse processo foi a criação do programa “Sociedade da Informação”, por meio do Decreto 3.294 de 15 de Dezembro de 1999, com objetivo de “viabilizar a nova geração da Internet e suas aplicações em benefício da Sociedade Brasileira1”, estruturado em sete linhas de ação:
  • Mercado, trabalho e oportunidades;
  •  Universalização de serviços para a cidadania;
  •  Educação na sociedade da informação;
  •  Conteúdos e identidade cultural;
  •  Governo ao alcance de todos;
  •  P&D, tecnologias-chave e aplicações;
  •  Infra-estrutura avançada e novos serviços.

Obs: “O objetivo do Programa Sociedade da Informação é integrar, coordenar e fomentar ações para a utilização de tecnologias de informação e comunicação, de forma a contribuir para que a economia do país tenha condições de competir no mercado global e, ao mesmo tempo, contribuir para a inclusão social de todos os brasileiros na nova
sociedade” – disponível em http://www.socinfo.org.br/sobre/programa.htm.

Com tal esforço, em setembro de 2000, o Governo Brasileiro produziu, entre outros documentos, o chamado “Livro Verde”, que identificou o conjunto das ações estabelecidas para impulsionar a Sociedade da Informação no Brasil, contemplando: ampliação do acesso à internet, meios de conectividade, formação de recursos humanos, incentivo à pesquisa e desenvolvimento, comércio eletrônico e desenvolvimento de novas aplicações.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

MANUAL DE REDAÇÃO DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

Plural de substantivos compostos

Atualidades - 15 de agosto de 2016