CONCURSO CÂMARA DOS DEPUTADOS 2014

Camara_front
O tão esperado concurso da Câmara dos Deputados foi publicado no dia 28/1/2014. Organizado pelo Cespe-UnB, o edital traz 113 vagas distribuídas em diversos cargos. Confira:

grafico_analise_edital
As 53 vagas para Consultor são, na verdade, para Analista com atribuições de Consultor e estão divididas em dois cargos e em diversas áreas de atuação. As 60 vagas de técnico, (nível médio), função de Polícia Legislativa, são para lotação no Departamento de Polícia Legislativa da Câmara dos Deputados (DEPOL).
CARGOS:
  • Analista Legislativo – Atribuição: Consultor de Orçamento e Fiscalização Financeira;
  • Analista Legislativo – Atribuição: Consultor Legislativo; e
  • Técnico Legislativo – Atribuição: Agente de Polícia Legislativa.
As disciplinas de conhecimento básico para as 53 vagas de nível superior são:
  • Língua Portuguesa;
  • Língua Inglesa;
  • Língua Espanhola; e
  • Processo Legislativo.
Para a atribuição de Consultor de Orçamento e Fiscalização Financeira a Câmara está ofertando quatro vagas. Além das 110 questões das disciplinas de conhecimentos básicos, há forte presença de disciplinas técnicas de orçamento e finanças, como:
  • Direito Financeiro;
  • Direito Tributário;
  • Administração Orçamentária e Financeira Pública;
  • Economia do Setor Público;
  • Contabilidade; e
  • Auditoria e Controle.
Antes de você escolher o segundo cargo (Analista Legislativo – Atribuição: Consultor Legislativo) devido ao número de vagas (49) atente para o fato de que existem 22 áreas com provas específicas e conhecimentos especialíssimos. As áreas não são nomeadas, mas podemos inferir pela estrutura organizacional da Câmara.
ÁREAS

Área
Tema
Vagas
1
Direito Constitucional, Eleitoral, Municipal, Administrativo, Processo Legislativo e Poder Judiciário
3
2
Direito Civil e Processual Civil, Penal e Processual Penal, de Família, do Autor, de Sucessões, Internacional Privado
1
3
Direito Tributário, Tributação
3
4
Finanças Públicas
1
5
Direito do Trabalho e Processual do Trabalho
1
6
Direito Agrário e Política Fundiária
1
7
Sistema Financeiro, Direito Comercial, Econômico, Defesa do Consumidor
1
8
Administração Pública
2
9
Política e Planejamento Econômicos, Desenvolvimento Econômico, Economia Internacional
3
10
Agricultura e Política Rural
3
11
Meio Ambiente e Direito Ambiental, Organização Territorial, Desenvolvimento Urbano e Regional
3
12
Recursos Minerais, Hídricos e Energéticos
1
13
Desenvolvimento Urbano, Trânsito e Transportes
2
14
Comunicação Social, Informática, Telecomunicações, Sistema Postal, Ciência e Tecnologia
3
15
Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia
5
16
Saúde Pública, Sanitarismo
1
17
Segurança Pública e Defesa Nacional
1
18
Direito Internacional Público, Relações Internacionais
1
19
Ciência Política, Sociologia Política, História, Relações Internacionais
1
20
Redação e Discurso Parlamentar
3
21
Previdência e Direito Previdênciário
2
22
Direito Penal, Processo Penal e Penal Internacional
7
Já as matérias básicas para Técnico Legislativo (Polícia) são:
  • Língua Portuguesa;
  • Noções de Informática;
  • Raciocínio lógico; e
  • Legislação
A Parte de Legislação é formada por componentes do Direito Constitucional e do Administrativo. Estas matérias não são nominalmente previstas, mas fazem parte do programa e 20 questões contemplarão estas disciplinas.
PROVA DISCURSIVA
Além das provas objetivas, o Concurso para Câmara dos Deputados 2014, exige, para todos os cargos, prova discursiva. São duas provas para os consultores e uma para os técnicos.
A parte que cabe aos candidatos à Consultoria da Casa é extensa e difícil. Aqueles inscritos para  Consultor de Orçamento e Fiscalização Financeira farão uma questão dissertativa, duas emendas com justificação e dois pareceres; os candidatos às áreas de consultor legislativo (exceto para a área de Redação e Discursos – 20) farão uma dissertação, um discurso, uma minuta de proposição e um parecer à proposição. Os candidatos à área 20 farão uma dissertação, um resumo e dois discursos — sendo um contrário e um favorável ao tema proposto.
Os técnicos, por fim, farão uma questão dissertativa, sobre tema da atualidade, de extensão máxima de 30 linhas e com valor de 35 pontos.
PROVA DE APTIDÃO FÍSICA
Além das provas objetiva e discursiva, os futuros policiais legislativos precisarão passar pela prova de aptidão física. Essa prova contém três avaliações que possuem, naturalmente, regras diferentes para homens e mulheres.
A primeira prova é a de barra. Para os homens, consiste em cinco repetições, enquanto para as mulheres serão 15 segundos em posição suspensa. A prova seguinte é a de corrida (ida e volta), que cobra dos candidatos percurso de ida e volta em 12 segundos (homens) e em 15 segundos (mulheres). A prova final é a da corrida em que serão aprovados os homens que atingirem 2.200 metros e as mulheres que ultrapassarem 1.800 em até 12 minutos.
TÍTULOS
Os candidatos aos cargos de Consultor passarão, ainda, pela avaliação de títulos. Serão considerados os diplomas de doutor, de mestre, de especialista e de graduação (além da exigida para a posse no cargo); a autoria de livro técnico, a docência e a atividade profissional nas áreas técnicas de cada área.
POR FIM
As provas para os cargos de Consultor serão difíceis, mas alguém tem que passar, certo? Se você escolheu se inscrever para uma das 53 vagas, estude bem os temas específicos, afinal, mais da metade dos pontos da fase objetiva vem deles. Pratique as peças exigidas na fase discursiva, redigindo todas as semanas. Como o conteúdo é vasto, planeje seus estudos, gerencie bem seu tempo, analise o edital e resolva questões do Cespe-UnB. Assim você estará mais bem preparado para a provas dos dias 13 e 20 de abril.
Boa prova e sucesso!
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

MANUAL DE REDAÇÃO DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

Plural de substantivos compostos

Atualidades - 15 de agosto de 2016